Aprenda a combinar os alimentos nas suas refeições

A comida fornece-nos nutrientes mas os diferentes nutrientes são digeridos de formas diferentes no organismo pelo que há combinações de alimentos que são mais saudáveis do que outras.

1. Digestão das proteínas e hidratos de carbono
A digestão das proteínas dá-se essencialmente no estômago, pois necessita de um ambiente ácido. Vale a pena relembrar que é no estômago que é produzido o ácido clorídrico. A digestão das proteínas no estômago pode demorar entre duas a quatro horas.
Em contrapartida, a digestão dos hidratos de carbono inicia-se logo na boca com a enzima amílase. Esta enzima não gosta de ambientes ácidos e por isso a digestão dos hidratos de carbono fica interrompida no estômago e depois só continua no intestino.

2. Não misturar proteicos concentrados com hidratos de carbono concentrados


A maioria dos alimentos não são compostos exclusivamente por hidratos de carbono ou proteínas. A sua separação em termos práticos significa não combinar alimentos proteicos concentrados com alimentos de hidratos de carbono concentrados. A carne contém 50% proteínas e 0% de hidratos de carbono, ao passo que as batatas são compostas por 8% de proteínas e 90% de hidratos de carbono. No meio estão os feijões, as lentilhas ou a quinoa.
3. Hortícolas são um bom acompanhamento
Proteínas e hidratos de carbono não combinam bem um com o outro mas ambos combinam bem com hortícolas. Assim, prefira acompanhar carne ou peixe apenas com vegetais e quando fizer massa ou arroz combine também com hortícolas para uma refeição vegetariana. O seu corpo vai agradecer.

4. Mais vale a fruta só que mal acompanhada
Geralmente as frutas devem ser comidas sozinhas ou com outras frutas. Se a fruta parece muito doce, então combine com 2 a 3 nozes (80% de fruta, 20% frutos secos). As frutas que fermentam com facilidade são digeridas tão rapidamente que no momento em que chegam ao seu estômago, já estão parcialmente digeridas. Se forem combinadas com outros alimentos, vão permanecer muito tempo no estômago e vão apodrecer.

5. Que fruta misturar com os cereais
Evite os hidratos de carbono refinados (açúcares). Coma hidratos de carbono não refinados de libertação rápida (fruta) com hidratos de carbono complexos de libertação lenta (cereais), ou seja, fruta como bananas, maçãs ou coco pode ser combinada com cereais como aveia ou trigo. Por exemplo: papas de aveia com maçã e canela para o pequeno-almoço.

6. Melão? Sem presunto, obrigado!
O melão é digerido mais rapidamente do que qualquer outro alimento. Portanto, nunca deve comer melão com outro alimento, incluindo outras frutas. Comer melão com presunto é uma grande contradição pois o presunto é fonte de proteínas e ficará horas no estômago até ser digerido e entretanto o melão apodrece à espera...

7. Gorduras
Gorduras combinam com tudo (exceto com fruta), mas devem ser usadas em quantidades limitadas, porque, embora não inibam a digestão, vão retardá-la e já agora porque também são muito calóricas.

Texto elaborado por Sara Pinhão, Nutricionista Funcional

2 comentários:

LG disse...

Excelente artigo.
Obrigada
LG

LG disse...

Excelente artigo.
Obrigada
LG